Projecto Europeu Tempus 3D

Projecto Europeu Tempus 3DDesign pour le Développement Durable des Productions Artisanales Locales Está a decorrer na ESSTD/ Ecole Supérieure des Sciences et Technologies du Design, em T...

ESG tem a taxa de desemprego mais baixa em Arquitetura

Segundo dados estatísticos publicados pelo Ministério da Educação e Ciência (MEC), a ESG/ Escola Superior Gallaecia é a instituição universitária ...

Concurso de Pintura Mural ESG

O Concurso de pintura mural, dinamizado pela Escola Superior Gallaecia/ESG, com o apoio da Bienal de Cerveira, tem como objetivo fomentar a criação de arte pública e estimular a criativid...

Estudante da Escola Superior Gallaecia finalista do Prémio Archiprix Portugal 2016

A tese de mestrado do estudante da Escola Superior Gallaecia Pedro Vila-Pouca, é um dos trabalhos finalistas ao Prémio Archiprix Portugal 2016. O trabalho, Reabilitação de edif&iac...

  • Projecto Europeu Tempus 3D

  • ESG tem a taxa de desemprego mais baixa em Arquitetura

  • Concurso de Pintura Mural ESG

  • Estudante da Escola Superior Gallaecia finalista do Prémio Archiprix Portugal 2016

5ª Temática - 27 de Maio

5ª Temática - 27 de Maio

Esta semana a 5ª Temática irá decorrer na sexta dia 27, por sua vez terás 2 eventos:

14h30 na Oficina da ESG
Workshop: A Taipa Céptica II: Realidade, Romance e Ficção
Gilberto Carlos

Segunda sessão do atelier prático de introdução aos fundamentos básicos dos processos de construção em taipa.

Consciencialização genérica da aplicação da técnica tradicional, através do desenvolvimento de um troço experimental, sintetizando as suas etapas elementares e assinalando os equívocos mais frequentes. Pretende-se estimular uma abordagem crítica, que permita aos participantes a confrontação entre os preconceitos geralmente associados a esta técnica e a realidade da sua aplicação empírica.


16h15 no Auditório da ESG
Conferência: O Mercado, a Mercadoria, o Arquiteto e o seu Cliente, há um Espaço Vernáculo no Século XXI?
Pierre Frey

Pierre Frey (1949) é um historiador de arte, professor honorário da Escola Politécnica Federal de Lausanne. Criou a EPFL, os Arquivos da construção moderna, que reúnem fundos regionais de arquivos de arquitetos e engenheiros, sem preferência dogmática ou estilística; e o Fundo Frédéric Aubry, incluindo 700 maquetes de arquitetura vernácula de todo o mundo.

Pierre Frey é colaborador regular da revista da Sociedade Suíça de Engenheiros e Arquitetos “Tracés”, na qual contribui com uma rubrica crítica sob o título “Statler & Wallace.” É igualmente Diretor de publicação e consultor editorial da editora ‘Actes Sud’.

Autor de numerosos artigos e livros, como autor único ou em colaboração, incluindo Viollet-le-Duc e a montanha, história dos concursos de arquitetura na Suíça. Recentemente publicou em francês e inglês “Learning from Vernacular”; ”Simon Velez, mastering bamboo“. Este outono irá publicar a primeira monografia sobre a agência Sul-Africana ”CS Estúdio: anatomy of a dream".

 
JRUVC | Jornadas de Reabilitação Urbana

Estas Jornadas, organizadas em pareceria pela Câmara Municipal de Viana do Castelo, ESG, ESTG-IPVC, APRUPP e IC-FEUP pretendem divulgar e debater o tema da reabilitação urbana de forma aberta e transversal.

Mais informação em http://www.estg.ipvc.pt/~jruvc2016

 
Quinta Temática - Habitação Coletiva em 24X12

Habitação Coletiva em 24X12
12 de Maio às 16h00no Auditório da ESG
Rui Florentino

A habitação colectiva requer dimensões adequadas. Nesta apresentação foca-se um exemplo de construção urbana em quarteirão, para 63 casas, de 1, 2 ou 3 quartos, algumas em duplex. A exiguidade dos lotes fez-nos retirar muitas conclusões, aprendendo com os erros.

 
Estudante da Escola Superior Gallaecia finalista do Prémio Archiprix Portugal 2016

A tese de mestrado do estudante da Escola Superior Gallaecia Pedro Vila-Pouca, é um dos trabalhos finalistas ao Prémio Archiprix Portugal 2016. O trabalho, Reabilitação de edifício escolar do séc. XIX, orientado pela Professora Mónica Alcindor, integra uma lista de 26 finalistas entre os melhores trabalhos de fim de curso de mestrado apresentados nas áreas de Arquitetura, Urbanismo e Arquitetura Paisagista selecionados pela Fundação Archiprix.

A cerimónia de entrega de prémios e a exposição dos projetos finalistas terá lugar no próximo sábado, dia 14 de Maio pelas 18h00 na sede da Trienal de Arquitectura de Lisboa, onde será anunciado o vencedor desta edição.

 
5ª Temática - 4 Faces da Animação

06 de Maio, 15h00 no Auditório ESG

Abi Feijó

Realizador, produtor, Professor e Diretor de Museu.

"Abi Feijó nasce em Braga em 1956. Licenciado em Arte Gráfica e Design pela Escola Superior de Belas Artes do Porto foi no primeiro Cinanima (1977) que descobre as potencialidades artísticas do Cinema de Animação. Em 1984 frequenta um estágio no Office National du Film du Canada, sob a orientação de Pierre Hébert, onde realiza o seu primeiro filme Oh que Calma (1985). De regresso ao Porto funda, em 1987, a Filmógrafo - Estúdio de Cinema de Animação do Porto onde privilegia o filme de autor e uma abordagem artesanal do Cinema de Animação.

Como Realizador, Abi Feijó explora diversas técnicas e aborda a escrita dramática com rigor.

Os Salteadores(1993), um desenho animado a grafite sobre papel baseado no conto homónimo de Jorge de Sena é uma ficção política que nos lembra um episódio doloroso da história recente de Portugal. Em 1995 realiza Fado Lusitano, um auto retracto de Portugal, em recortes animados. Termina em 2000 Clandestino, uma animação de areia com imagens ricamente texturadas que evoca a dura luta pela liberdade.”

http://www.ciclopefilmes.com/abi-feijo

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 40